Terminal de Cruzeiros de Lisboa pronto em início de 2017

infoCruzeireos globalSea RicardoFerreira Lisbon Cruise Terminals 2017 140Ricardo Ferreira, CEO do Lisbon Cruise Terminals (LCT), dá a sua primeira grande entrevista (vídeo), onde apresenta as novidades do novo Terminal de Cruzeiros de Lisboa e que ficará pronto no início de 2017.

Temos vindo a assistir às diversas fases importantes deste projecto, desde a abertura de Cconcurso Internacional para a construção do Terminal, ao anúncio e abertura dos Projectos Finalistas, mais tarde, a comunicação do projecto vencedor de autoria do Arq. Carrilho da Graça, à inauguração do novo cais. Já em agosto de 2014, estivemos igualmente na Cerimónia de Assinatura da Concessão ao consórcio LCT. Este é um projeto complexo que finalmente tem um horizonte à vista, quer a infraestrutura para servir os navios e acessos.

Impunha-se numa primeira fase da construção do edifício ouvir o responsável do LCT e conhecer a esta fase de construção, bem como o que vai acontecer no futuro e outras novidades que Ricardo Ferreira nos apresenta no decorrer da entrevista.

Lisboa vai ganhar mais do que um novo Terminal de Cruzeiros.

O novo Terminal de Cruzeiros é mais do que um edifício funcional e integrado na cidade, é uma nova Sala de Visitas, flexível e multiusos, para diversas actividades. Localizado perto do centro histórico e cultural da cidade, acolherá os turistas de cruzeiros e de uma forma especial os tripulantes desses navios, bem como os habitantes de Lisboa.

A construção que está a ser edificada, tem todas as condições para atrair mais companhias de cruzeiros, navios fazendo de Lisboa o seu homeport, mais embarques e desembarques em interporting e mais escalas. O obejtivo é, no máximo em 10 anos duplicar o número actual de turistas, ou seja receber mais de um milhão.

O consórcio LCT, responsável pela Concessão é a uma empresa privada, constituída por 4 acionistas: a Global Ports Holding, o Grupo Sousa, SA - Investimentos SGPS, LDA, a Royal Caribbean Cruises Ltd e a Creuers del Port de Barcelona, formada em agosto de 2014 e que opera em regime exclusivo, os 3 terminais de passageiros do Porto de Lisboa, localizados perto do centro histórico e cultural da cidade – os terminais de Santa Apolónia e Jardim do Tabaco, em regime de concessão e os terminais do Cais da Rocha e de Alcântara, por acordo de cedência.

O edifício principal e novo terminal terá 13.000 m2, albergará as autoridades competentes, bem como a oferta de serviços turísticos, lojas e serviços de restauração para o conforto de todos os visitantes e será constituído por um edifício principal e dois acessórios.

A nova unidade terá uma capacidade de 1,8 milhões de passageiros e um cais com 1.425 metros de comprimento com capacidade para receber navios de vários tipos e dimensões com um calado até 12 metros.

Para saber mais sobre o novo Terminal de Cruzeiros que iniciou a sua construção em Outubro de 2015 e estará concluída no início de 2017 assista à entrevista a Ricardo Ferreira.

A cópia ou reprodução da entrevista carece da referência infoCruzeiros / GlobalSea

Top